quarta-feira, 19 de março de 2008

Segundo dia em Ushuaia


Quinta dia 19, acordei cedo, pois todos estavam saindo mesmo. Tomei meu café e fui conhecer a cidade. Dei uma volta pelo porto e em várias ruas.

Uma coisa que me chamou a atenção na cidade são as construções, com muita influência irlandesa. Por supuesto una ciudad muy bonita. Pena que não é época de neve, a cidade está até quente, com sol, se não fosse o vento frio do Pacífico e as chuvas quase constantes. Chuvas que não atrapalha em nada, porque na verdade é só uma garoa fina. Aqui sim é a verdadeira terra da garoa, onde o vento literalmente faz a curva, el culo del mundo, como os próprios habitantes costumam chamar hueuheuhe. Mas é uma cidade bem gostosa, pequena, e cheia de turistas. Bem movimentada. Ushuaia é a capital da província de Tiera Del Fuego.

Bueno como minha situação financeira começa a chegar no seu ponto de atenção, sai em busca de bancos ou casas de câmbio para poder comprar moeda no cartão de crédito.
No entanto, nenhum banco faz esse tipo de venda nem mesmo a única casa de câmbio. Hum, ai fudeu. Pior, como estou viajando a 2 semanas, já estou sem idéia de que dia é da semana e do mês, ai fico sabendo que dia 21 é viernes santo e que na quinta também nada ia funcionar. (Nada do setor financeiro). Ai começa a ficar preocupante. Quatro dias com poucos pesos, tento que pagar agências de passeio e hostel. É torcer pra tudo aceitar cartão, que é difícil Hostel nenhum aceita. Comida é de boa, só gasto no cartão mesmo, agora as agências de turismo não são todas que aceitam.
Como minhas roupas já estavam quase todas sujas, levei pra lavar em uma lavanderia, 20,00 pesos, pqp.

O hostel estava cheio, japoneses, espanhóis, ingleses, americanos, búlgaros, um brasileiro uheuhehu e muitos argentinos. E eita povo que fuma, pqp, tem horas que é insuportável ficar na sala de estar.
Tenho tentado conversar com o pessoal do meu quarto, mas só falam inglês. O búlgaro é tranqüilo de entender, troco mais idéias com ele. O inglês também da pra entender, o cara enfatiza muito e faz muitos gestos huahuauhauh, já o cara da califórnia..., é impossível o cara fala todo enrolado e rápido. Já eu estou numa confusão só, misturando inglês, espanhol e português.

Continua ...

Nenhum comentário:

Postar um comentário